18/09/14

TRIO ARMADO E ENCAPUZADO DETONA CAIXA ELETRÔNICO DA RODOVIÁRIA DE PORTO NACIONAL

A ação criminosa foi verificada na madrugada desta quinta feira (18), quando um desconhecido encapuzado portando uma pistola 380 rendeu um popular que estava nas proximidades aguardando ônibus para viajar e ordenou que ele ficasse calado.

Em seguida, outros dois elementos também usando capuzes, chegaram e deram início às explosões que destruíram o terminal de autoatendimento da Caixa Econômica Federal. 

Temendo a chegada da Polícia Militar por conta do barulho, os bandidos agiram rapidamente. Surrupiaram uma certa quantia em dinheiro e fugiram as pressas deixando 49 cédulas de 5 reais espalhadas no piso da Estação Rodoviária.

Em pouco tempo, as guarnições do 5º BPM e a perícia chegaram ao local. As notas foram recolhidas para serem enviadas à Polícia Federal, em Palmas, que cuidará das investigações.

Até agora, nenhum suspeito foi detido. A Superintendência Regional da CEF não informou a quantia subtraída pelos ladrões.  

HOMEM ENCONTRADO EM QUINTAL FOI ASSASSINADO POR CAUSA DE DÍVIDA DE 200 REAIS

Uma rápida ação realizada, no início da tarde desta quarta-feira, 17, pela equipe de Policiais Civis da Delegacia de Alvorada, Sul do Estado, tendo à frente o Delegado Dr. Guilherme Rocha Martins, resultou na prisão do ex-presidiário  Eduardo Ribeiro Barbosa, 29 anos, apontado como autor do homicídio contra Célio Rodrigues Carvalho, conhecido por CABELO, 27 anos, cujo corpo foi encontrado no quintal de uma casa, na madrugada de quarta feira (17), com dez golpes de faca. 

De acordo com o Delegado Guilherme, Eduardo teria assassinado Célio em razão de um desentendimento ocasionado por uma dívida de R$ 200,00. Na ocasião, ele contou com a ajuda de um adolescente. de 16 anos, que  encontra-se foragido.  

Após a prática do crime, os dois fugiram tomando rumos diferentes. Assim que souberam do delito, os investigadores da PC da Delegacia de Alvorada empreenderam diligências identificando e qualificando testemunhas oculares que indicaram Eduardo e o menor como os autores.

A Polícia Civil ressaltou que Eduardo é considerado uma pessoa de extrema periculosidade, já tendo sido condenado, anteriormente, pela prática de dois homicídios em Gurupi e possui três processos por roubo. 

Após os procedimentos cabíveis, ele foi recolhido à carceragem da Casa de Prisão Provisória de Gurupi onde permanece a disposição do Poder Judiciário.


MOTOTAXISTA É BALEADO POR DESCONHECIDO NA FEIRINHA EM ARAGUAÍNA

Por volta das 22 horas desta quarta feira (17), foi registrado mais um crime na famosa região da Ferinha, em Araguaína. O segundo em 5 dias.

De acordo com relatos de populares, um desconhecido de capacete branco, que havia chegado na garupa de uma moto não identificada, se dirigiu até o mototaxista Leomar Bandeira do Nascimento, 32 anos, e efetuou quatro disparos. Dois balaços atingiram a vítima nas costas e nas costelas do lado esquerdo.

Após a prática do delito, o atirador retornou à garupa do veículo e empreendeu fuga com o auxílio do comparsa.


A vítima foi socorrida pelo resgate do Corpo de Bombeiros e encaminhada ao Hospital Regional de Araguaína (HRA), onde passou  por uma cirurgia de emergência para retirada das balas e continua sob cuidados médicos. 


INTEGRANTE QUE QUADRILHA QUE AGIA NO TO É CAPUTADO NO MT

A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia Estadual de Investigações Criminais – DEIC – capturou o  Cleiton da Silva Alves, 28 anos, acusado de integrar a uma quadrilha especializada em assalto a bancos e explosão de caixas eletrônicos, que agia no Tocantins. Ele foi preso em cumprimento de mandado de prisão temporária quando se encontrava no município de Vila Rica- MT.

De acordo com a Delegada Liliane Albuquerque Amorim, responsável pela ação, os investigadores da DEIC já estavam monitorando o bando criminoso desde o mês de junho deste ano, quando os elementos praticaram o roubo, conhecido como “sapatinho” a agência bancária de Formoso do Araguaia. No dia 13 de Agosto, a quadrilha tentou efetuar a mesma ação criminosa contra o banco do Brasil de Miracema, mas desta vez, os Policiais da Deic frustraram a ação criminosa e prenderam quatro assaltantes. O Bando também é acusado de ter tentado assaltar o caixa eletrônico da Secretaria Municipal de Saúde de Porto Nacional.

O autuado já tem passagens pela polícia pela prática dos crimes de roubo e receptação e, segundo apontaram as investigações da Delegacia Especializada, era o responsável por fornecer o suporte necessário para que a quadrilha efetuasse os roubos as agências bancárias. No momento em que foi abordado, pelos policiais civis, Cleiton estava em via pública portando dez cordões detonantes do mesmo tipo daqueles utilizados em explosões a caixas eletrônicos.

Ainda, segundo a Delegada, o homem residia em Formoso do Araguaía, e ultimamente, trabalhava em uma pedreira, no município de Vila Rica, o que facilitava a consignação conseguisse dos materiais que eram utilizados pela quadrilha na explosão de caixas e roubos de bancos. Inclusive, quando foi capturado, o indivíduo já estava negociando, com outro comparsa, os fios explosivos que estavam em seu poder.


Cleiton foi trazido para a sede da DEIC em Palmas, na noite desta quarta-feira, 17, onde foi autuado pelos crimes de extorsão mediante seqüestro e formação de associação criminosa. Após os procedimentos legais, ele foi recolhido na carceragem da Casa de Prisão Provisória da Capital onde permanece a disposição do Poder Judiciário. (Ascom-SSP

MPF DENUNCIA EX-FUNCIONÁRIOS DO BB DE PARAÍSO POR 1,9 MI DESVIADOS DO PRONAF

O Ministério Público Federal no Tocantins propôs à Justiça Federal 17 ações penais referentes a fraudes na liberação de recursos provenientes do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). No total, e no que diz respeito apenas a este esquema, foram 23 financiamentos irregulares obtidos com a participação de Cândido Cartaxo Filho e Joana Dark Machado Cartaxo (funcionários da agência do Banco do Brasil de Paraíso à época dos fatos) e Gilmar de Oliveira Rezende e Jacileide Dias Pereira (gerentes da agência do BB de Paraíso à época dos fatos), que se uniram de forma estável e permanente para obter fraudulentamente financiamentos em face de instituição financeira oficial, desviar recursos públicos e lavar dinheiro.

As práticas criminosas consistiam na liberação de financiamentos junto ao Pronaf sem a documentação pertinente e para clientes que não eram público-alvo da linha, na realização de alterações cadastrais irregulares, na liberação de custódias em que os recebíveis não representavam relação comercial real e na contratação de operações de crédito para cliente falecido, culminando com desvio dos recursos públicos.

Como gerentes do Banco do Brasil, Jacileide e Gilmar providenciavam o acolhimento, a análise, o deferimento e/ou a liberação dos recursos para parentes seus e para os parentes de Cândido e Joana, sendo que os cadastros destes mutuários apresentavam diversas inconsistências incompatíveis com o acesso ao crédito do Pronaf. O prejuízo causado ao erário federal foi da ordem de R$1.930.141,08, em valores a serem ainda atualizados. As falcatruas foram descobertas através de auditorias realizadas pelo Banco do Brasil.
Segundo a denúncia, a permanência e a estabilidade da associação dos funcionários do banco são demonstradas não apenas pela duração do esquema (entre setembro de 2008 e setembro de 2009), mas também pelo fato de que os financiamentos e consequentes desvios só cessaram em razão da descoberta das condutas por auditorias do Banco do Brasil.

OS ACUSADOS
Além dos funcionários do Banco do Brasil, são acusadas de participação mais 38 pessoas, que entregavam seus nomes para formalizar cadastros nos procedimentos, emprestavam suas contas para a passagem do dinheiro ilicitamente obtido e funcionavam também, em muitas vezes, como destinatários finais dos recursos. São elas: Divino Cabral de Sousa, Alcineide Lima Moraes Rezende, Jovacir de Paula Ferreira, Pedro Henrique Aquino Rocha, Valéria Lima de Moraes Oliveira, Edson Sobral Cabral, Nilson Bernardo do Nascimento, Viviane Souza Lima, Karleane de Sousa Oliveira, Euziliane Souza Oliveira, Luzimar Neres da Silva, José Anilto de Lima, Érika de Souza Lima, Gilvan Alves da Rocha, Helayne Dias Pereira, João Alberto Santos de Souza, João Conceição dos Santos, Kyron Felipe Machado dos Santos, Rogério Rezende Silva, Viviane Souza Lima, Alexandre Carneiro de Oliveira, Gilberto Dias Pereira, Rogério Dias Pereira, Zuleide Dias Pereira, Alcineide Lima Moraes Rezende, Aparecida Hilário Jordão, Bruno Felipe Jordão Coelho, José Alexandre Jordão, Leonardo Martins Gomes, Edmilson Antônio de Lima, Francisca Helena Lima Fernandes, Maria Felix Carvalho Dias, Jancio Alves da Rocha, Horácio Cristino Dias, Rosabel Andino Rose, Albenir Carvalho Dias, Savilda Maria Carneiro de Oliveira, Carmelinda Alves de Almeida e Maria Teresa Rodriguez Rey.


Os funcionários e gerentes do Banco do Brasil respondem pelo crime de quadrilha (artigo 288 do Código Penal) e, junto aos demais envolvidos em cada uma das fraudes, também pelos crimes do artigo 19, p. único, da Lei n. 7.492/86 (obtenção de financiamento mediante fraude junto a instituição financeira oficial), do artigo 312, caput, (peculato) ambos do Código Penal, e do art. 1º da Lei n. 9.613/98 (lavagem de dinheiro).

17/09/14

CORPO EM DECOMPOSIÇÃO É ENCONTRADO NO RIO ARAGUAIA

O cadáver putrefato foi encontrado na manhã de segunda feira (15), nas águas do Rio Araguaia, perto de um depósito de areia, em Araguatins.

Policiais Militares foram chamados e ao chegarem constataram que era um corpo do sexo masculino, com faca tatuada em cada braço. O que chamou a atenção nas tatuagens foi o destaque para a letra B.

Já a perícia fez todo o levantamento e detectou uma perfuração, presumivelmente, de arma de fogo no centro da testa, entretanto, a confirmação será dada através de laudo após os exames autopsiais.


Responsável pelas investigações, a Polícia Civil pede ajuda à população. Quem souber de alguém com as tatuagens descritas acima, pode ligar para o número 197 ou procurar uma Delegacia e passar as informações.  (FOTO: patrulha na net

MULHER ACUSADA DE PARTICIPAÇÃO EM LATROCÍNIO É PRESA PELA POLINTER

A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia Interestadual de Capturas – Polinter deu cumprimento a um mandado de prisão preventiva em desfavor de Simone da Encarnação Conceição, 23 anos, acusada, juntamente com seu companheiro, Benivaldo da Conceiçao Silva, 30 anos, que se encontra foragido, pela prática do crime de latrocínio que vitimou o aposentado Daniel Pereira Martins, 68 anos, fato ocorrido no mês de Março de 2013, na Quadra 403 Norte, em Palmas, onde a vítima tinha um pequeno comércio.

De acordo com informações do Delegado, Reginaldo de Menezes Brito, a mulher foi detida na manhã desta terça-feira (16), quando se encontrava em sua residência, na Quadra 405 Norte.


Também foi descoberto que a acusada já possui inúmeras passagens pela polícia em função de outros crimes, inclusive outro latrocínio que esta sendo investigado pela Polícia Civil. Após a elaboração dos procedimentos cabíveis, Simone foi encaminhada a Unidade Prisional Feminina de Palmas onde permanece a disposição do Poder Judiciário.
Procurado

PRF APREENDE QUASE 40 QUILOS DE MACONHA COM ADOLESCENTE EM ÔNIBUS

Durante fiscalização de rotina procedida em um ônibus de passageiros que fazia o percurso de Brasília para São Luís, agentes da Polícia Rodoviária Federal, lotados na Unidade Operacional de Guaraí, apreenderam um carregamento de 39 quilos e 600 gramas de maconha.

A mala localizada no compartimento de bagagens pertencia a um adolescente de 17 anos que viajava para o Estado do Maranhão. A droga e o menor foram encaminhados à Central de Flagrantes de Guaraí/TO, onde a autoridade policial de plantão adotou os procedimentos previstos em lei.


Este ano, (até 15/09), a PRF, no Estado do Tocantins, já retirou de circulação 768,666 kgs de drogas, quantidade é quase 50% superior ao mesmo período de 2013, quando foram aprendidos 520,288 kgs. A maconha representa quase 70% da droga apreendida pela PRF/TO. 


COLISÃO TRIPLA MATA MOTOQUEIRO NA BR-153

O jovem Diego da Silva Cabral, de 23 anos, faleceu no final da manhã desta terça feira (16), no Hospital Regional de Paraíso do Tocantins, após ter sido vítima de acidente envolvendo sua moto honda NXR 150, um Logus e uma picape saveiro.

Segundo a PRF, no perímetro urbano de Paraíso foi provocado por uma ultrapassagem indevida praticada pelo senhor Paulo Pereira da Silva, de 78 anos, que dirigia umLogus com destino à cidade de Pugmil. O veiculo se chocou com uma saveiro conduzida por José Hilário Aquino Soares, 60 anos; e com a moto pilotada pela vítima fatal.


Entre os motoristas, apenas Paulo Pereira teve ferimentos leves, foi medicado e liberado para prestar esclarecimentos na Central de Flagrantes de Paraíso. 


16/09/14

MULHER MATA OUTRA A GOLPES DE CANIVETE POR CAUSA DE UM COPO DE CACHAÇA

Policiais Civis da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Araguaína prenderam no início da manhã desta terça feira (16), a doméstica Janice de Almeida Silva, 22 anos, apontada como autora do assassinato da colega de farra Denise Gomes de Souza, de 30 anos.

O delito foi cometido no local conhecido por “Feirinha”, na região central de Araguaína, onde as duas estariam ingerindo bebidas alcoólicas e acabaram se desentendendo na disputa pelo último copo de cachaça. Em meio ao bate-boca, as duas entraram em luta corporal. Janice estava portando um canivete e golpeou Denise na região torácica. Ela foi socorrida, mas, faleceu ao dar entrada no Hospital Regional Público de Araguaína.

De imediato, as equipes da DHPP deram início às buscas a suspeita e, menos de três horas após o crime, ela foi presa em sua residência localizada no Setor Fátima. O Delegado Manoel Laeldo ressaltou que Janice estava em liberdade há apenas três meses. Ela cumpria pena da Cadeia Feminina de Babaçulândia por crime de furto. Agora retornou para o xilindró.